• Vinicius Soares

Como Payton Turner será utilizado na defesa dos Saints

Na temporada 2020 da NFL, o New Orleans Saints foi um pouco diferente dos anos anteriores, pois se na era Sean Payton e Drew Brees o time sempre teve ataques aéreos explosivos e defesas nem sempre tão boas, o roteiro na última temporada foi bem diferente. Com Drew Brees num estágio bem avançado da carreira e sem conseguir conectar passes longos, o time focou nos passes curtos e no jogo corrido com Alvin Kamara e quando a lenda do Saints se lesionou e Tayson Hill assumiu a titularidade, foi então que o time focou ainda mais nas corridas.



Do outro lado da bola, a defesa fez um trabalho formidável, foi a 5ª melhor cedendo jardas e pontos. Uma unidade muito equilibrada, que ia bem contra a corrida e o passe, e com grandes jogadores em seus 3 níveis. Destaque para a linha defensiva, que tinha o craque Cameron Jordan e o surpreendente Trey Hendrickson no melhor ano de sua carreira, com 13,5 sacks.


A temporada de 2021 já começou com um grande desafio, com o time quase US$ 75 milhões acima do teto salarial, muitos jogadores tiveram que deixar a franquia ou reformular seus contratos. Um desses jogadores foi o já citado destaque de 2020 Trey Hendrickson. A aposentadoria de Drew Brees fez o time manter a linha seguida em 2020. Com uma grande linha ofensiva e ótimas armas como Kamara e Michael Thomas, o quarterback do futuro, seja ele Hill ou Jameis Winston terá ajuda.


O Saints então usou o draft para reforçar sua defesa, e com a primeira escolha, a 28ª geral, selecionou o defensive end de Houston, Payton Turner.



Turner é gigante, tem 1,98m e 122kg. Muitos disseram que a escolha foi uma surpresa, pois, apesar de uma grande temporada em 2020, a melhor de sua carreira no college com 5 sacks e 10,5 tackles para perda de jarda. Ela foi bem curta por conta da pandemia e ele fez apenas 5 partidas, não tendo um filme de jogadas muito grande.


Ele chega para cobrir o buraco na linha defensiva deixado por Hendrickson, sua grande maioria dos snaps vai ser como o defensive end direito. Pelo seu tamanho e força, pode ainda jogar alguns snaps como defensive tackle, tal qual fez no futebol americano universitário.


Só que o novato não chega como titular absoluto, Sean Payton preza muito pela meritocracia, e tende a preferir jogadores que já estão a mais tempo no seu sistema. Como foi o caso do Tayson Hill, que foi o quarterback titular quando Brees se machucou, deixando Winston no banco.


Por conta disso, Marcus Devenport, defensive end entrando na sua quarta temporada, deve ser o titular no lado direito da linha defensiva, com Cameron Jordan jogando na esquerda. Payton irá participar da rotação de ends durante os jogos.

BANNERLATERAL_TRAKTOR.png
BANNERLATERAL_FANATICA.png