• Rodrigo Menezes

Chiefs e Bengals prometem duelo emocionante pelo título da AFC

Chegou o jogo decisivo da AFC. No começo da temporada, 16 times almejavam disputar essa partida para ver quem vai ser o representante da conferência no Super Bowl. Boas equipes ficaram pelo caminho, e somente os torcedores de Bengals e Chiefs ainda podem sonhar em jogar no SoFi Stadium no dia 13 de fevereiro. E que partida teremos. É o duelo entre duas boas defesas e dois dos melhores QBs da NFL, mesmo ainda sendo dois jovens jogadores com muitos anos pela frente. Joe Burrow e Patrick Mahomes já tiveram um grande confronto nesta temporada, vencido pelos Bengals, mas agora a importância do jogo é outra. Quem será que vai levar?



Jogando em casa, o Kansas City Chiefs tem um leve favoritismo para esse confronto. A equipe vem de um jogo espetacular contra os Bills, onde a defesa cedeu muitos pontos, é verdade, mas muito mais por mérito de Josh Allen do que por grandes falhas, e o ataque fez provavelmente a melhor atuação na temporada 2021. Além disso, é a quarta final da AFC seguida para o time, e praticamente todo o seu elenco já tem experiência de sobra em jogos importantes e decisivos. Esses dois fatores, aliado ao fator casa, fazem o torcedor dos Chiefs ficar confiante na vitória da equipe.


Mahomes brilhou nas vitórias contra Steelers e Bills, e parece ter deixado o seu melhor nível de jogo para os playoffs. Kansas City coloca toda a sua confiança no QB para levar a equipe ao terceiro Super Bowl seguido. (Jamie Squire – Getty Images)

A confiança também passa muito pelo fator Patrick Mahomes. Durante toda a temporada, o QB oscilou mais do que o normal, sentindo o mal momento de Kelce e Hill, mas também ele mesmo contribuindo para os problemas do ataque. Porém, parece apenas que ele guardou o melhor dele para o momento decisivo. Já na parte final da temporada, vimos o bom e nem tão velho Mahomes ressurgir, e nos playoffs estamos vendo-o atuar em seu melhor nível. Contra Steelers e Bills, duas defesas fortes e eficientes, Mahomes mostrou o quão difícil é pará-lo, colocando 42 pontos no placar em ambas as partidas. Será uma missão muito dura para os Bengals vencer esse jogo, porque Mahomes está on fire, e sabemos que ele dificilmente perde quando joga assim.


Charvarius Ward sofreu demais na marcação contra Ja'Marr Chase no confronto entre as equipes na temporada regular. O CB precisará fazer um trabalho muito melhor para evitar outra grande partida de Chase e dos demais WRs dos Bengals. (David Dermer – AP Photo)

Por outro lado, os Chiefs precisam ficar atentos em sua defesa, principalmente na secundária. Na primeira partida entre as equipes, Ja’Marr Chase fez uma partida memorável, com 266 jardas recebidas e 3 touchdowns, colocando os DBs de Kansas no bolso. Com isso, a equipe viu os Bengals virarem e ganharem a partida, fazendo os Chiefs perderem a first seed da AFC. Nessa final, a secundária não vai poder permitir que Chase, Higgins e Boyd tenham uma partida espetacular, caso contrário, o jogo pode acabar ficando fora do controle dos Chiefs. O front-7 vai pressionar como sempre, mas a secundária não vai poder cometer tantas falhas se quiser vencer esse jogo.


No lado visitante, a equipe vem motivada pela vitória em cima dos Chiefs na temporada regular e por ter eliminado os Titans, first seed da AFC, no Divisional. Os Bengals lidaram com a descrença desde o começo da temporada, quando foram apontados como o pior time da AFC Norte e que dificilmente teriam mais que 5 vitórias em 2021. E chegar na final da AFC, mostrando força no ataque e muita competência na defesa, já é um grande feito. Mas eles querem e podem mais. Cincinnati tem totais condições de vencer novamente Kansas e frustrar todos aqueles que apostam contra eles. Os Bengals no SB é algo possível, e quem sabe para não vingar as duas derrotas que a equipe tem para os 49ers na década de 1980?


Burrow mostrou uma maturidade incrível contra os Titans ao não se abalar diante da pressão da defesa adversária e dos 9 sacks sofridos. QB mostra uma força mental incrível e pode liderar essa equipe ao Super Bowl. (Andy Lions – Getty Images)

Para chegar ao SB, a equipe terá que contar com uma excelente atuação de Joe Burrow e dos seus WRs. O QB vem demonstrando uma maturidade e uma solidez incrível nos playoffs, com bons passes e um cuidado muito bom da posse de bola. Na partida contra os Titans, mesmo sofrendo 9 sacks, Burrow teve resiliência e não se abateu ou se desconcentrou. E com as partidas que a secundária dos Chiefs fez contra Cincinnati na temporada regular e na partida contra os Bills na semana passada, podemos imaginar que o QB conseguirá encontrar seus WRs para que eles consigam boas jardas e TDs muito importantes para a equipe conseguir vencer a partida. Esse ataque tem muito talento, e isso pode fazer muita diferença nessa final.


Sam Hubbard é um dos grandes jogadores da defesa dos Bengals e será um dos responsáveis por não deixar Mahomes fazer mais uma grande partida. (Patrick McDermott – Getty Images)

Por outro lado, os Bengals têm algumas preocupações. É verdade que a defesa pode sofrer muito contra Mahomes, mas dada a qualidade do QB adversário, isso é algo esperado e de certa forma normal. O maior problema mesmo dos Bengals é sua OL, que sofreu muito na partida da semana passada contra os Titans, permitindo 9 sacks e muitas outras pressões em cima do Burrow. Chris Jones, Melvin Ingram e companhia certamente tentarão explorar essa eventual fraqueza da OL e tentar complicar o jogo de Burrow, não deixando-o respirar no pocket. Se a atuação da semana passada se repetir, será algo bastante complicado para Cincinnati, e isso deixará a equipe mais distante de disputar o seu terceiro Super Bowl.


Palpite


Eu sei que muitos consideram os Chiefs favoritos, mas eu não acredito que será um jogo fácil para nenhum dos times. Eu espero um jogo muito disputado, com grandes jogadas e atuações em alto nível dos principais jogadores das equipes, principalmente dos dois QBs. A lógica me diz que os Chiefs irão vencer, mas eu sou fã das grandes histórias, e Cincinnati no SB seria a melhor história possível. Por isso, acredito que os deuses do futebol irão dar a vitória para os Bengals.


Injury Report


Chiefs: Tyrann Mathieu (S) está listado como Questionable para este jogo, em decorrência de concussão, mas treinou normalmente na quinta e na sexta e deve jogar. Darrel Williams (RB) é outro que ainda é dúvida, mas dificilmente ficará de fora.


Bengals: A equipe não tem nenhum titular com alguma designação de lesão, mas Cam Sample (EDGE), reserva de Sam Hubbard, provavelmente não participará do confronto.

BANNERLATERAL_TRAKTOR.png
BANNERLATERAL_FANATICA.png