• Vinicius Kafka

Cam Akers está fora e agora?

Com a notícia de que Cam Akers está fora da temporada, o Los Angeles Rams começa a temporada com uma grande interrogação em quem será o running back titular da franquia na abertura da temporada. Mas nem tudo está perdido. Será a grande chance para alguns jogadores mostrarem seu valor e sabemos que a posição de corredor é a que nomes menos estrelados acabam brilhando mais.



Em entrevista à ESPN 710, o head coach Sean McVay comentou que a solução para a perda de Akers deve estar na própria equipe.


“Temos alguns jovens corredores em nosso plantel que estou intrigado em ver como eles lidam com esta oportunidade. Não sei se a chegada de um veterano é algo que excluiremos, mas não é algo que estamos procurando resolver agora”.


Crédito: Kyusung Gong/AP

Atualmente o elenco conta com cinco running backs disponíveis, porém pouca experiência. Vamos aos nomes:


Darrell Henderson Jr.


Henderson foi o segundo running back da equipe na última temporada e é o substituto natural de Cam Akers para a titularidade. Jogador de 23 anos se destacou no college atuando por Memphis e chegou a NFL via Draft em 2019 como escolha de terceira rodada do próprio Los Angeles Rams. Em seu ano de calouro registrou em 13 jogos um montante de 39 tentativas para corrida e 142 jardas terrestres.



Crédito: Thearon W. Henderson/Getty Images

Na temporada passada mostrou uma interessante evolução, participou de 15 jogos e teve 138 tentativas de corrida, além de conquistar 624 jardas e anotar cinco touchdowns. Participou também do jogo aéreo com 16 passes recebidos e 159 jardas.


Henderson é forte candidato a ser o titular, é um jogador que atuou em bom nível no último ano e pode surpreender ainda mais.


Xavier Jones


Outro jogador de 23 anos, Xavier Jones está indo para o seu segundo ano na NFL, após assinar com os Rams em 2020 como jogador não recrutado no Draft. O atleta vindo de SMU teve espaço apenas no special teams, marcando presença em 41% dos snaps.


Com apenas um retorno executado, o jogador será uma grande surpresa caso tenha espaço correndo com a bola no ataque. A tendência é que o jogador siga participando ativamente de especiais teams e possa ser um retornador, mas para isso primeiro precisará garantir uma vaga no elenco principal no training camp.


Raymond Calais


Outro jogador de segundo ano, com 23 anos. Calais foi recrutado na sétima rodada de 2020 pelo Tampa Bay, mas acabou dispensado em Setembro e acabou assinando com os Rams para o practice squad. Calais destacou-se atuando por Louisiana nos tempos de college e é outra peça que apareceu no special teams na última temporada. Também deve brigar por uma vaga no elenco principal.


O jogador participou de apenas quatro jogos, mas teve 7 retornos de kickoffs, sendo um sólido retornador. É outra peça que deve ganhar mais espaços como retornador em 2021, mas por sua explosão e velocidade pode acabar ganhando alguns snaps com o ataque. Também deve brigar por uma vaga no elenco principal.


Jake Funk


Crédito: Barry Reeger/AP

Calouro recrutado na escolha 233 do Draft de 2021 pelo Los Angeles Rams. Foi uma das escolhas mais contestadas da franquia no processo do Draft, afinal não havia necessidade pela posição, além de que Jake atuou por Maryland somente em 2020, após graves lesões que o afastaram dos gramados em 2018 e 2019, ambas lesões em seu joelho esquerdo.


Jake Funk mostrou muita velocidade e explosão em seu último ano em Maryland, se não houvesse esse quadro preocupante no joelho poderia ter sido facilmente escolhido muito antes no processo do Draft.


É um jogador que caso se mantenha saudável possui um teto interessante e pode emergir como uma opção ao longo da temporada.


Otts Anderson


O jogador tem o nome parecido com o lendário running back Otttis Anderson, que atuou pelo St. Louis Cardinals e New York Giants e foi campeão de dois Super Bowl e MVP em um. Mas é apenas coincidência.


Otis é um calouro não recrutado no Draft de 2021, ex-jogador de UCF recebeu diversas honrarias como retornador de punt. É um jogador que mostrou ter ótima visão de jogo e velocidade, o que lhe permite ser um grande retornador.Mas também pode trabalhar como um recebedor.


É o único running back no plantel que não possui 23 anos. Caso consiga mostrar suas habilidades no training camp, terá grandes chances de receber uma vaga no elenco principal, mas dificilmente aparecerá como um running back em si.


Free Agency


Crédito: Sean M. Haffey/Getty Images

Embora Sean McVay tenha dito que não está nos planos trazer um veternao que esteja livre no mercado, vale ressaltar que os jogadores hoje na equipe não possuem grande experiência para carregar o piano do ataque tanto depende do jogo terrestre e com tanta pressão em brigar pelo título.


LeSean McCoy, Adrian Peterson, Devonta Freeman, Le'Veon Bell, Frank Gore e o ex-running back de Rams, Todd Gurley, sãos principais nomes no mercado.


Crédito: Nick Wass/AP

Dado a filosofia de Sean McVay pouquíssimos destes nomes badalados teriam espaço, já podendo descartar a volta de Gurley que parece improvável. Devonta Freeman e Le’Veon Bell também são nomes difíceis de acreditar que McVay iria atrás dado o histórico de ambos. Lesean McCoy está longe de seu auge. Frank Gore e Adrian Peterson são dois dos veteranos mais interessantes que poderiam trazer a experiência necessária em jogos decisivos.


E aí torcedor, quem deve substituir Cam Akers?

BANNERLATERAL_TRAKTOR.png
BANNERLATERAL_FANATICA.png