• Rodrigo Menezes

Broncos recebe os Jets para manter a invencibilidade

Em busca de manter a invencibilidade, o Denver Broncos receberá o New York Jets nesse domingo em partida válida pela semana 3 da NFL. A equipe do Colorado entra em campo tentando conquistar sua terceira vitória em três jogos e ter o melhor começo de temporada desde 2016. Já os Jets tentam ganhar a sua primeira partida na temporada e evitar que a equipe comece a temporada com três derrotas pelo terceiro ano consecutivo.


A equipe mandante vem em um bom momento. O time até teve uma pequena turbulência na semana anterior ao começo da temporada, quando Teddy Bridgewater foi escolhido como QB titular após disputa com Drew Lock. Mas após duas partidas boas do jogador de 28 anos, as críticas e a pressão parecem ter diminuído um pouco, e a confiança na equipe como um todo faz o torcedor de Denver sonhar com um ano positivo e quem sabe até com uma vaga nos playoffs. Para manter esse sonho vivo, vencer os Jets será essencial o time, já que o nível dessas equipes não é o mesmo nesse momento.


Apesar de Bridgewater ser o jogador mais falado desse time nessas duas primeiras rodadas, o grande destaque dos Broncos até o momento é a sua defesa, terceira melhor da NFL contra o jogo terrestre e quarta contra o jogo aéreo. Na última partida, contra o novato Trevor Lawrence, a equipe conseguiu suas duas primeiras interceptações da temporada, garantindo o domínio da equipe durante praticamente todo o confronto. E agora contra Zach Wilson, que teve uma partida muito ruim na semana passada, os Broncos devem ter novamente uma excelente partida defensiva, que poderá dar tranquilidade para o time ganhar o jogo.


Bridgewater vem vencendo as críticas por ter sido escolhido QB titular. (Steph Chambers – Getty Images)

O grande problema dos Broncos para esse confronto são as lesões. Jerry Jeudy (WR) foi colocar na IR na semana passada, e ganhou a companhia de Ronald Darby (DB) e Josey Jewell (LB) nos últimos dias. Jewell inclusive está fora da temporada, com uma lesão séria no peitoral, um grande problema para o combate ao jogo terrestre dos adversários. Como todos que acompanham o esporte há alguns anos já sabem, vencer na NFL não é só um trabalho de montar um bom time, mas de conseguir mantê-lo saudável, e sem essas peças, os Broncos podem começar a ter problema para manter esse nível muito bom de atuação que teve no começo da temporada.


Josey Jewell se lesionou contra os Jaguars e está fora da temporada. Jogador tem sido importante no combate ao jogo corrido adversário e será um desfalque importante dos Broncos nesse domingo. (Hyoung Chang – The Denver Post)

Já os Jets chegam para essa partida com a urgência de demonstrar mais qualidade no ataque. Após duas rodadas, a impressão deixada principalmente por Zach Wilson está longe de ser boa. Com apenas 2 TDs e 5 interceptações, 4 somente contra os Patriots no jogo anterior, o QB começa a sofrer questionamentos sobre sua capacidade de ser o futuro da franquia, e enfrentar uma defesa tão forte como a de Denver não é um cenário bastante animador. Wilson terá que tomar conta da bola melhor nessa partida se não quiser repetir os números ruins que teve contra New England.


Para conseguir jogar melhor, o ataque dos Jets precisará explorar melhor o seu jogo corrido. Tevin Coleman e Ty Johnson terão que encaixar boas corridas contra os Broncos para tirar a pressão de Zach Wilson, principalmente vinda de Von Miller e Bradley Chubb. Nas duas primeiras rodadas, os jogadores acabaram não conseguindo produzir tanto no primeiro tempo, e com a equipe atrás do placar por mais de uma posse de bola, foram preteridos nos momentos finais da partida. Se isso acontecer nesse jogo, a chance de vitória dos Jets será praticamente nula.


Zach Wilson tenta dar a volta por cima após dois jogos ruins no começo de sua carreira na NFL. (Vincent Carchietta – USA TODAY Sports)

Porém nem tudo está ruim no lado verde de NY. Apesar da atuação fraca do ataque expor sua defesa excessivamente, ela vem demonstrando qualidade e tem conseguido fazer bem o seu papel. Nas duas primeiras rodadas, a equipe cedeu uma média de apenas 22 pontos, um bom indicador ainda mais se considerarmos os problemas que o ataque vem mostrando. O ataque dos Broncos está longe de ser dominador a ponto de colocar medo nos torcedores dos Jets, e com uma boa atuação da defesa de NY, o time poderá ter esperança de vitória nesse confronto. A parada é muito dura e complicada, mas não é impossível.


Palpite


As duas primeiras vitórias dos Broncos na temporada foram exibindo uma força defensiva muito grande e um ataque que não compromete e ainda consegue produzir bem, ainda que enfrentando times mais fracos se comparados aos melhores da liga. Contra os Jets, o cenário dessas duas primeiras rodadas se repete, e as chances de vitória da equipe nessa partida são altas. Broncos deve começar 3-0.


Injury Report


Broncos: Ronald Darby (CB) e Josey Jewell (LB) se juntam a Jerry Jeudy (WR) na IR e desfalcam a equipe. Mike Purcell (NT), Noah Fant (TE) e Tim Patrick (WR) tiveram participação limitada nos treinos, mas devem jogar.


Jets: Jaminson Crowder (WR) não treinou durante a semana com problema na virilha e sua participação no jogo é questionável. Já o DL John Franklin-Myers treinou pouco mas pode ir para o confronto.

BANNERLATERAL_TRAKTOR.png
BANNERLATERAL_FANATICA.png