• Rodrigo Menezes

Broncos dominam os Jets e ganham a terceira na temporada

A temporada do Denver Broncos segue perfeita. Recebendo o New York Jets nesse último domingo, a equipe do Colorado teve uma atuação dominante durante praticamente toda a partida, e saiu de campo sem ceder nenhum ponto ao adversário. O resultado mantém os Broncos invictos com 3-0, algo que não acontecia desde 2016, e deixa o sonho de chegar aos playoffs cada vez mais vivo. Já os Jets começam 0-3 pelo terceiro ano consecutivo, mostrando que há muito trabalho para o Head Coach, Robert Saleh, fazer para melhorar esse time.



O jogo começou com ambas as equipes tendo pouco sucesso nos drives de abertura. Porém logo na sua segunda campanha, os Broncos já colocaram 7 pontos no placar com uma corrida de 1 jarda de Javonte Williams. Com o ataque funcionando bem logo cedo no jogo, coube a defesa consolidar a vantagem obtida forçando um three and out, com direito a um sack para perda de 14 jardas. Na volta a campo, Teddy Bridgewater conduziu a equipe a uma nova pontuação, agora com um FG de 45 jardas de Brandon McManus no começo do segundo quarto.


Von Miller liderou a defesa dos Broncos, que dominou completamente Zach Wilson e o ataque dos Jets. (Aaron Ontiveroz – The Denver Post)

Com déficit de 10 a 0 no placar, os Jets passaram a correr pouco com a bola, mesmo com muito jogo pela frente. Se Zach Wilson já estava sofrendo com a pressão da defesa dos Broncos, sem jogo corrido isso só piorou. O ataque pouco avançava e devolvia a bola rapidamente para Denver, que aproveitou para pontuar novamente no final do primeiro tempo. Em uma campanha de 2:42 que avançou 55 jardas no campo, os Broncos abriram 17 a 0 com um touchdown de Melvin Gordon, um dos grandes destaques da equipe na temporada até o momento. Denver estava tranquilo no jogo.


O cenário não mudou na volta do intervalo. Os Jets eram praticamente inofensivos, já que pouco corriam com a bola e Zach Wilson continuava fortemente pressionado. Com isso, os Broncos se aproveitaram para pontuar novamente, com um FG de 47 jardas de McManus, após uma campanha de 4:37 e 22 jardas. Denver gastava relógio quando tinha a bola, e os Jets continuavam sem agredir. O domínio era tanto que somente no final do terceiro quarto é que o ataque dos Jets conseguiu passar da marca de 100 jardas.


Melvin Gordon novamente anotou um TD terrestre. Jogador tem sido um dos mais regulares desse ataque. (Aaron Ontiveroz – The Denver Post)

No último período, já no clima de garbage time, o jogo ficou mais agitado, mas sem mudar de cara. Os Broncos começaram com uma campanha longa que terminou em um FG de 21 jardas. Na sequência, dois turnovers: Zach Wilson é interceptado, e Javonte Williams devolve a bola após um fumble na beira de endzone. Os Jets seguem ineficientes, enquanto McManus colocava mais 3 pontos no placar, abrindo 26 a 0. E no apagar das luzes, ainda houve alegria para quem tem a defesa dos Broncos no Fantasy: Zach Wilson novamente interceptado e saindo de campo sem nenhum TD pela segunda partida consecutiva.


A vitória coroa o bom momento dos Broncos na temporada. É verdade que a equipe só enfrentou adversários que atualmente não estão entre os melhores da liga, mas eles vêm fazendo o que se espera: Bridgewater conduz um ataque que vem cuidando bem da bola, e a defesa tem jogado em alto nível para barrar os adversários. Na próxima semana, Denver terá seu primeiro grande desafio na temporada, enfrentando o Baltimore Ravens. Será a oportunidade de vermos em que nível esse time realmente está.


Defesa celebra a interceptação de Caden Sterns. Essa foi a primeira do calouro na NFL. (Justin Edmonds – Getty Images)

No lado de NY, o começo da temporada vem expondo as fraquezas do time. Enquanto a defesa até consegue produzir bem, o ataque vem falhando jogo após jogo. Zach Wilson é o QB que mais interceptações tem nas três primeiras rodadas, e o jogo terrestre da equipe pouco tem produzido. Robert Saleh acabou de chegar e sua missão é trabalhar na reconstrução dessa equipe, mas pelo que vimos nesse início de temporada, ele terá muito o que fazer para conseguir fazer esse time dos Jets evoluir.


Destaques


Broncos: Teddy Bridgewater (19/25, 235 jardas, 0 TD); Tim Patrick (5 recepções, 98 jardas); A. J. Johnson (2 sacks); Caden Sterns (1 interceptação e 2 tackles)


Jets: Zach Wilson (19/35, 160 jardas, 2 INTs); Quinnen Williams (1.5 sack); Marcus Maye (7 tackles)


Próximos jogos


Titans x Jets, domingo (03/10), as 14:00 em New York

Ravens x Broncos, domingo (03/10), as 17:25, em Denver

BANNERLATERAL_TRAKTOR.png
BANNERLATERAL_FANATICA.png