• Luiz Pedro Ramalho

Broncos coloca invencibilidade à prova contra os Ravens

O Baltimore Ravens não terá tarefa fácil pela quarta semana da temporada e irá até as alturas do Mile High, em Denver, para enfrentar o invicto Broncos. Já os donos da casa também receberam um árduo trabalho e terão que provar que sua invencibilidade é para valer contra uma equipe bastante forte como a dos Ravens.



O time de Baltimore vem embalado após uma vitória incrível contra os Lions fora de casa, em que Justin Tucker virou a partida no fim com um field goal que bateu recorde como o mais longo da história. Com 2 vitórias e 1 derrota, os Ravens estão à procura da liderança da divisão, a qual está cada vez mais complicada, visto que os Bengals já venceram no Thursday Night Football da Semana 4 e a equipe dos Browns está melhorando a cada semana que passa. Apesar do retorno aos treinos de jogadores importantes para o ataque, como os wide receivers Miles Boykin e o calouro Rashod Bateman, Lamar Jackon ficou de fora de algumas atividades com o elenco durante a semana devido à uma lesão, mas ainda assim, ele será o titular na partida deste domingo, 3 de outubro.



Já pelo lado da defesa de Baltimore, o coordenador Don Martindale terá a responsabilidade de fazer com que sua unidade repita o desempenho mostrado na partida contra os Chiefs, em que conseguiram parar Patrick Mahomes e seu ataque extremamente dinâmico e explosivo, forçando turnovers em momentos chaves.


Apesar de não ter um Mahomes como quarterback, o Denver Broncos conta com Teddy Bridgewater no comando ofensivo e, ao contrário do que muitos esperavam, ele vem tendo ótimas atuações neste ano, sendo que já lançou para 4 touchdowns e nenhuma interceptação na temporada. Porém, os 3 primeiros jogos foram contra equipes que não apresentam grandes ameaças (Jets, Giants e Jaguars) e agora terá que medir suas forças contra um time com campanha positiva para mostrar ao público que possui chances de brigar por playoffs em 2021.


Matthew Stockman/Getty Images

Além disso, mesmo contra equipes, em tese, mais fracas, a defesa dos Broncos vem jogando muito bem neste ano. O calouro Patrick Surtain já conseguiu sua primeira interceptação da carreira e sua chegada impactou positivamente a secundária, que já era forte com Justin Simmons e outros bons defensive backs. Outra grata surpresa para essa unidade defensiva foi a volta em alto nível de Von Miller, o que pode ser fundamental durante o período em que Bradley Chubb ficará fora por conta de uma lesão no tornozelo.


Nos playoffs da temporada de 2012, Denver Broncos e Baltimore Ravens protagonizaram um dos jogos mais emocionantes da história, que ficou marcada pela recepção de Jacoby Jones no fim da partida, o Arranha-céu de Mile High.


John Biever /Sports Illustrated

O último confronto entre essas equipes ocorreu em 2018 e quem saiu vitorioso naquela ocasião foi o Baltimore Ravens. Três anos depois, muitas coisas mudaram para ambos os times e agora o cenário deve ser totalmente diferente, já que o jogo promete ser bastante parelho com duas equipes competitivas e que podem se encontrar novamente na pós-temporada se continuarem a jogar bem. Mesmo sendo apenas a 4ª semana, o resultado da partida pode ser determinante para o futuro dos dois times, pois é possível que uma vitória faça falta para algum deles em um momento crucial lá na frente.

BANNERLATERAL_TRAKTOR.png
BANNERLATERAL_FANATICA.png