• Lucas Rocha

Brian Flores explica por que colocou Liam Eichenberg como left tackle

Durante a partida contra o Patriots, a OL do Miami Dolphins permitiu apenas 5 pressões em seu QB, além de 2 sacks. O número baixo de pressões se deve, em grande parte, ao trabalho da comissão técnica em reforçar a unidade nos últimos anos. Porém, um fato curioso chamou a atenção durante a partida.



Draftado na primeira rodada do draft de 2020, Austin Jackson foi o LT titular durante a temporada passada, e esperava-se que o produto de USC começasse a temporada jogando. Porém, não foi isso que foi visto. Ao invés de Jackson, o calouro de segunda rodada Liam Eichenberg foi o titular na posição e chamou a atenção pela escolha.


Michael Reaves/Getty Images

“Apenas jogando - tentando colocar para jogo os 5 melhores,” disse o hc do Dolphins, Brian Flores, após o final da partida. “Sabe, Liam fez um ótimo trabalho nos treinos, jogou em várias posições. Apenas queremos colocar os cinco melhores em campo.”

De fato, Liam foi um jogador versátil nos training camps da equipe. Porém, Flores deixou bem claro que Austin Jackson é o titular, e o fato dele não ter jogado se deve, principalmente, pelo fato do segundonista ter perdido a semana inteira de treinos.


Austin Jackson #73 durante treino. Michael Reaves/Getty Images

Embora tenha apresentado melhora, a unidade ainda precisa de constância. O primeiro jogo mostrou coisas boas, mas “ainda há muitas melhorias a serem feitas,” de acordo com Flores.

BANNERLATERAL_TRAKTOR.png
BANNERLATERAL_FANATICA.png