• Marcos Vinicius Soares

Boca de Siri! Daniel Jones não comenta sobre recusa dos Giants pelo seu 5º ano de contrato

A temporada 2022 será um all in para o quarterback Daniel Jones. Selecionado na 6ª escolha geral do draft de 2019 - o que na época foi considerado um belo reach - o jogador não teve sua opção de quinto ano do contrato de calouro ativada pelos Big Blues. Ou seja, se ele não der um grande salto de produção e mostrar serviço para a nova comissão técnica encabeçada pelo head coach Brian Daboll, ele deve estar livre no mercado em 2023.


Jim McIsaac | Crédito: Getty Images

Em entrevista coletiva na última quinta-feira (19), Jones se recusou a comentar a opção dos Giants e afirmou que essa decisão é algo que está fora de seu controle:


“Isso foi algo fora do meu controle. Foi o que foi”.

Jones nunca convenceu liderando o ataque de Nova York em seus três primeiros anos na NFL, sendo o jogador que mais cometeu turnovers desde que foi draftado com 29 interceptações e 36 fumbles sofridos em 38 jogos na NFL. Além disso, ele acumulou 8.398 jardas e 45 touchdowns, antes de perder a reta final da temporada 2021 com uma lesão no pescoço.


Caso sua opção de quinto ano tivesse sido ativada, Jones receberia $22M de dólares em 2023, porém como isso não aconteceu ele será agente livre ao final da próxima temporada, a menos que ele tenha uma desempenho satisfatório e os Giants optem por lhe aplicar a Franchise Tag ou queiram renovar seu contrato.


BANNERLATERAL_TRAKTOR.png
BANNERLATERAL_FANATICA.png