• Lucas Rocha

Bills é o melhor time da liga? Lucas Responde!

Na temporada passada, o Buffalo Bills ficou a apenas 14 pontos de vencer Mahomes e o Chiefs e chegar ao Super Bowl pela primeira vez desde os anos 90. Mas, após 5 semanas, é possível dizer que o time é, hoje, o melhor da liga e favorito ao Super Bowl.



Semana 1 quebra todas as expectativas com o time


No início da temporada, o Bills era o segundo favorito na AFC para ir ao Super Bowl, atrás do Chiefs. Porém, a semana 1 contra o Pittsburgh Steelers parecia ir contra tudo aquilo que se esperava da equipe: Josh Allen sofreu com sacks e o Bills teve turnovers (4 fumbles, somente 1 recuperado). A defesa não conseguiu pressionar Ben Roethlisberger, embora tenha conseguido limitar Najee Harris a apenas 45 jardas. Mas, mais do que o resultado, o time parecia perdido, desmotivado em alguns momentos. Os torcedores e fãs da NFL abriram o olho e pensaram se Josh Allen seria um jogador de apenas uma temporada. Mas, não foi o que aconteceu.



Rob Tringali/Sports Illustrated via Getty Images


Bills zera 2 dos 5 adversários


Uma das principais maneiras de uma equipe forte se mostrar forte é derrotar adversários fracos de maneira impiedosa. E o Bills está sendo especialista nisso. Em 5 partidas nas temporadas, a equipe parou o ataque de Miami Dolphins e Houston Texans de forma impiedosa, impedindo os dois times de marcar qualquer pontuação. Nas outras duas vitórias, foram 21 pontos sofridos contra o Washington Football Team e apenas 20 contra o Kansas City Chiefs de Patrick Mahomes. Simplesmente impiedoso.



Linebacker Tremaine Edmunds #49 comemorando uma jogada defensiva com o safety Micah Hyde #23. Créditos: Michael Reaves/Getty Images


A defesa do Bills permitiu apenas 64 pontos dos adversários (média de 12,8 pontos por jogo) e 1.259 jardas cedidas, ambas as marcas como melhores da liga. Além disso, são 15 turnovers marcados, sendo 6 fumbles recuperados (1º na liga) e 9 interceptações (2º na liga). São apenas 6 TDs sofridos na temporada, um número realmente impressionante. O safety Micah Hyde é o segundo da liga em interceptações, com 3; os outros 6 estão divididos entre 6 jogadores diferentes da equipe.



Safety Micah Hyde #23 comemorando após retornar para TD uma interceptação na partida contra o Chiefs. Créditos: Jamie Squire/Getty Images


Outro fator importante e decisivo foi o draft e, principalmente, conhecer seus adversários. Sabendo que, ao mandar blitz contra Mahomes, a chance do tiro sair pela culatra é grande, o Bills foi atrás de jogadores para a DL no draft. Na primeira rodada, a equipe draftou o DE Greg Rousseau e, na segunda rodada, o DE Boogie Basham e, tendo melhores nomes para pressionar o QB adversário, a secundária se beneficia. Prova disso foi a partida contra o próprio Chiefs de Mahomes, em que a defesa de Buffalo terminou com 2 interceptações e 2 sacks.



Gregory Rousseau #50 comemorando um sack na partida contra o Miami Dolphins. Créditos: Michael Reaves/Getty Images


Ataque explosivo é o melhor da liga


Se a defesa é a melhor da liga, o ataque não fica para trás. São 172 pontos marcados (34,4 pontos por jogo) e 2.052 jardas conquistadas (8º da liga), com 12 TDs passados por Josh Allen e 7 TDs corridos, sendo 3 de Zach Moss, 2 de Josh Allen, 1 de David Singletary e 1 de Mitchell Trubisky. Entre os recebedores, temos uma grande surpresa: o principal recebedor da equipe, Stefon Diggs, tem apenas 1 TD na temporada, mesmo sendo o líder em recepções e jardas da equipe. O líder: o TE Dawson Knox, com 5 TDs. Entenda, essa informação é muito boa. A equipe não depende de Diggs para pontuar, fazendo com que a defesa adversária tenha que se desdobrar mais para tentar impedir o ataque (e geralmente falhando).


Dawson Knox #88 comemorando um TD marcado no primeiro quarto com Stefon Diggs #14. Créditos: Jamie Squire/Getty Images


Já Josh Allen renasceu após a semana 1. Não que ele tenha jogado mal contra o Steelers, mas sair do Allen que disputou MVP na temporada passada para aquele Josh Allen era algo preocupante. Até o momento, Allen tem 114/183 para 1.370 jardas, 12 TDs e apenas 2 interceptações. São apenas 5 sacks sofridos na temporada, número baixo. A adição de Emmanuel Sanders fez muito efeito, visto que o veterano já tem 4 TDs na temporada. Embora um pouco abaixo, não é absurdo dizer que Allen está na briga pelo MVP.



Josh Allen #17 e Cole Beasley #11 comemorando o TD com Emmanuel Sanders #1 na partida contra o Chiefs. Créditos: Jamie Squire/Getty Images


Disputando a AFC com Chiefs, Ravens, Browns e Chargers, o Buffalo Bills começa a temporada melhor, e se coloca a um degrau acima dos seus rivais na briga pelo Super Bowl.

BANNERLATERAL_TRAKTOR.png
BANNERLATERAL_FANATICA.png