• Rodrigo Menezes

Big Ben foca em perder peso para voltar a vencer um Super Bowl

Big Ben Roethlisberger sabe que não tem mais tempo a perder. O veterano QB dos Steelers está com 39 anos, e após uma década em que teve várias lesões, ele sabe que a sua aposentadoria está cada vez mais próxima. Há muitas pessoas que especulam que a temporada 2021 será efetivamente a derradeira, a última oportunidade de ganhar um Super Bowl e marcar de vez seu nome na história da NFL e do Pittsburgh Steelers.



Durante os treinamentos do mês de junho, Big Ben deixou claro para os jornalistas em entrevista coletiva de que seu principal objetivo nesta temporada é voltar a ganhar um Super Bowl. E ao que tudo indica, o camisa 7 está realmente determinado em se preparar e estar em condições para conquistar seu terceiro anel de campeão. Segundo o jornalista Ryan Burr, Big Ben vem se dedicando muito em perder peso e estar em excelente forma para encarar esta temporada.


Preparação de Big Ben durante os camps de junho chamaram a atenção pelo foco com a sua forma física. (Karl Roser – Pittsburgh Steelers)

“Os treinamentos do Ben indicam que a sua preocupação é em perder peso. Ele está se dedicando a isso desde que a temporada passada terminou. Tenho fontes que afirmam que ele está fazendo uma dieta ainda mais restrita que a de Tom Brady. Ele está muito focado em se alimentar bem e se preparar muito bem fisicamente”, afirmou Burr em uma série de tweets na sua página.

Na última temporada, Big Ben chamou bastante atenção por aparentemente estar um pouco acima do seu peso. Com um início muito bom, o camisa 7 foi perdendo rendimento durante o passar do ano, perdendo a liderança da AFC para os Chiefs. O título da AFC Norte quase escapa dos Steelers, e Mike Tomlin abriu mão de brigar por uma seed melhor nos playoffs para poder poupar Big Ben na última rodada da temporada regular.


Big Ben aparentava estar acima do peso em 2020. Isso se refletiu em campo, com uma queda acentuada de rendimento durante a temporada. (Joe Sargent – Getty Images)

Para se ter uma ideia da queda de rendimento, Big Ben teve na semana 4, uma vitória sobre os Eagles, provavelmente a sua melhor partida da temporada 2020, com 79,41% de aproveitamento dos passes, 3 TDs e um rating de 125.4. Na semana 15, na derrota contra os Bengals, que estavam com QB reserva devido a lesão de Joe Burrow, o QB dos Steelers teve um aproveitamento de apenas 52.63%, somente 1 TD e um rating ruim de 62.4, seu pior em toda a temporada. Parte dessa queda se deve a problemas internos do ataque dos Steelers, é verdade, mas também não tem como ser descartado o fator físico de Big Ben.


Sabendo que o calendário será pesado, possivelmente o mais difícil da NFL nesta temporada, o camisa 7 sabe que se ele não estiver mais bem preparado do que estava em 2020, dificilmente ele vai conseguir levar Pittsburgh novamente aos playoffs. Apesar dele ter falado em junho de que está abordando a temporada 2021 como fez em todos os anos anteriores, como se fosse a sua última, é obvio que ele entende os sinais que seu corpo está dando. Por esse motivo é que ele acaba se espelhando no melhor exemplo possível: Tom Brady.


Todos sabem que um dos motivos para que o camisa 12 dos Buccaneers esteja ainda atuando em alto nível e vencendo aos 44 anos é sua alimentação regrada. Brady abriu mão de vários alimentos não saudáveis, incluindo carne, bacon e pizza. Além disso, há um cuidado de estar sendo preocupado em continuar trabalhando fisicamente mesmo após o término da temporada. E todo esse esforço se traduz em campo, na conquista de um título mesmo quando todos acham que Brady não tem mais muito o que entregar. É provavelmente vendo isso que fez Big Ben decidir fazer uma dieta restrita e regrada para perder peso e trabalhar melhor seu preparo físico.


Cena que Big Ben e os torcedores dos Steelers sonham quem se repita em fevereiro de 2022. (Win McNamee – Getty Images)

Com motivação para ter essa mudança radical aos 39 anos, Big Ben dá esperanças para os torcedores dos Steelers de que Pittsburgh pode surpreender quem já está deixando o time de fora do grupo de favoritos a brigar pela vaga da AFC no Super Bowl. Afinal, Big Ben mostrou que quando está inteiro fisicamente, ele ainda tem bastante capacidade de dar bons passes e ganhar jogos. O sonho de ganhar mais um Super Bowl ainda está vivo tanto para Big Ben como para a apaixonada torcida de Pittsburgh.

BANNERLATERAL_TRAKTOR.png
BANNERLATERAL_FANATICA.png