• Nathan Bizotto

Atualização sobre suspensão de DeAndre Hopkins

Sem dúvidas, a posição de wide receiver vem sendo destaque nesta offseason e um dos principais recebedores da NFL não fugiu dos holofotes. Deandre Hopkins recebeu suspensão de seis jogos, devido a uma substância proibida encontrada em sua corrente sanguínea. O jogador, porém, nega ter utilizado qualquer gênero de elemento proibido.


Deandre Hopkins foi suspenso, recentemente, por ter Ostarine, substância que imita a testosterona, em seu sistema. Além disso, há relatos de que o atleta testou positivo para um agente diurético. Contudo, a NFLPA (associação de jogadores da NFL) refutou a alegação e declarou que não houve manipulações nos testes do recebedor.


“Hopkins nunca deu positivo para nenhum agente diurético ou mascarante e não houve absolutamente nenhuma evidência de qualquer tentativa de substituir, diluir ou adulterar qualquer amostra ou qualquer tentativa de manipular um teste”, via Aaron Wilson, do Pro Football Network.

Reprodução/Verve Times

Em meio a isso, Hopkins considerou recorrer contra a suspensão, pois a fração detectada estava a 0,1% do permitido e o atleta afirmou que não sabe como a substância ingressou em seu corpo. O recebedor deu uma declaração sobre a situação e comentou que jamais usou qualquer tipo de substância proibida.


“Eu nunca peguei esse tipo de coisa. Se você sabe o que é, pode estar no xampu, pode estar em muitas coisas diferentes. Obviamente, a NFL é muito preto e branco, então é claro que eu gostaria que a regra não fosse tão preto e branco. É o que é. É difícil saber o que você pode comer, o que você pode fazer quando não está no controle da fabricação de nada ou o que passa por uma correia transportadora… Então, obviamente, acho que as regras devem mudar. Mas como eu disse, essas coisas, vai dar certo, e eu nunca tomei nada. Eu mal tomo vitaminas.”

O atleta, de 30 anos, se recupera de uma lesão no ligamento cruzado anterior, que o tirou dos gramados em 2021. De qualquer forma, ele perderia o início desta temporada, até por isso, Hopkins não recorreu à suspensão. A expectativa é de um retorno 100% na sétima semana de 2022. Até lá, as discussões sobre a ausência de substâncias e os questionamentos de seu caso devem perdurar. Dentro do campo, AJ Green, Randale Moore e Marquise Brown precisarão suprir a ausência do jogador no ataque liderado por Kyler Murray e Kliff Kingsbury.

BANNERLATERAL_TRAKTOR.png
BANNERLATERAL_FANATICA.png