• Mateus Bertuol

Aaron Rodgers pode não jogar em 2021?

O atual MVP está sendo submetido a uma série de especulações, e nessa última semana mais um rumor veio à tona.


De acordo com a informação de Mike Florio, do Pro Football Talk, Aaron Rodgers tem uma opção de dar opt-out e não jogar a temporada de 2021, porém o quarterback deverá tomar sua decisão até o dia 2 de julho.


Em um acordo realizado nesta semana entre a NFL e a NFL Players Association, os jogadores estão permitidos de realizarem um opt-out para a temporada 2021 mesmo que não tenham dado opt-out em 2020 e não forem diagnosticados com uma condição de alto risco.


Ou seja, qualquer jogador, de livre e espontânea vontade poderá decidir em não jogar na próxima temporada, e claro que o nome de Aaron Rodgers foi vinculado ao novo acordo.


(Stacy Revere/Getty Images)

Rodgers tem uma vantagem se decidir por não jogar em 2021. Segundo o Pro Football Talk, se o quarterback exercer o opt-out ainda assim ele ganharia $18,3 milhões. Se ele decidisse NÃO exercer o opt-out, ele perderia esses $18,3 milhões e ainda seria multado em $2 milhões por não comparecer nos treinamentos.


Contudo, para realizar o tal opt-out, Rodgers terá que tomar uma decisão rápida e não conseguirá mais voltar atrás após o dia 2 de julho.


Cada vez mais o camisa 12 parece não querer mais jogar pela franquia de Green Bay. Se um troca não vier e Rodgers realmente não tiver mais interesse em jogar pelos Packers, escolher pelo opt-out parece ser a sua melhor possibilidade, não vejo a franquia simplesmente o cortando.


Por outro lado, como Rodgers ainda está jogando em um alto nível e vem de uma temporada de MVP com 48 touchdowns, ficar uma temporada sem jogar poderia atrapalhar bastante seu desempenho.


O tempo para a decisão final é curto, e o 3x MVP tem uma tarefa bem difícil pela frente...

BANNERLATERAL_TRAKTOR.png
BANNERLATERAL_FANATICA.png