• Vinicius Kafka

5 coisas para ficar de olho no duelo entre Lions e 49ers

O Detroit Lions recebe no Ford Field neste domingo o San Francisco 49ers. Mesmo não sendo um dos jogos mais badalados nesta semana 1 da NFL, as duas equipes podem fazer um jogo bem interessante e aqui listamos cinco coisas para ficar de olho!



Volta de Jimmy Garoppolo


O quarterback do San Francisco 49ers terá enorme pressão nesta temporada, não só por estar em uma franquia que possui condições de ir ao Super Bowl, como também por agora ter uma competição, com o calouro Trey Lance e claro a transmissão deve focar no jovem quarterback a cada jogada de Garoppolo.


Sean M. Haffey / Getty Images

Jimmy atuou por alguns snaps ao longo da pré temporada, mas o quarterback não faz um jogo completo desde o dia 25 de outubro, quase 11 meses, quando a equipe bateu o New England Patriots. Como ponto positivo, Garoppolo irá encarar uma defesa bem contestada e uma boa atuação pode aliviar a pressão em cima de seus ombros.


Estreia de Jared Goff


Pensando ainda nos quarterbacks, o Detroit Lions terá a estreia oficial de Jared Goff. Diferente de Garoppolo, Goff não possui uma competição, porém assim como o quarterback dos 49ers, o camisa 16 terá o ano mais importante de sua carreira, onde seu desempenho pode definir seu futuro na liga.


Duane Burleson / Associated Press

A promessa dos Lions é montar um sistema ofensivo semelhante ao dos Rams, para ajudar seu quarterback, começando por uma linha ofensiva promissora e que falaremos mais a seguir, porém, o corpo de recebedores deixa a desejar.


Sewell x Bosa?


Os Lions possuem a linha ofensiva mais bem paga da NFL e tudo isso para proteger Jared Goff, que quando sob pressão costuma cometer graves erros. Porém a linha ofensiva precisa ainda ter sintonia com seu quarterback e logo de cara enfrentam uma equipe extremamente qualificada no pass rush e uma estratégia que pode ser utilizada pelos 49ers é colocar Nick Bosa diversas vezes enfrentando o calouro Penei Sewell.


Sean M. Haffey / Getty Images

O calouro escolhido na primeira rodada, Penei Sewell era um dos melhores prospectos da classe e disso não há dívidas, porém o jogador foi movido para right tackle e mostrou dificuldades nos jogos da pré temporada. Esse período de adaptação na NFL é natural e a franquia de San Francisco pode colocar Nick Bosa em cima de Sewell, buscando um matchup favorável. Olho nesse duelo!


Novos Coordenadores defensivos


Com uma das defesas mais dominantes da NFL nos últimos anos, Robert Saleh acabou sendo escolhido para ser head coach do New York Jets, com a saída de seu coordenador a equipe promoveu DeMeco Ryans para o cargo. E todos estarão observando se Ryans conseguirá manter o nível altíssimo da defesa, deixado por Robert Saleh, será inevitável comparações.


Enquanto um recebe uma ótima herança de trabalho, o mesmo não pode ser dito do Detroit Lions. O novo coordenador defensivo, Aaron Glenn, terá uma difícil missão, primeiro fazendo uma ruptura de trabalho, que deu à franquia no último ano as piores estatísticas da liga. Vale ressaltar que a equipe também não possui grandes nomes defensivos, o que só aumenta a dificuldade em transformar essa equipe mais competitiva.


Jogo terrestre


O Detroit Lions teve muita dificuldade em 2020 contra o jogo terrestre e na pré temporada seguiu com esse problema, com poucos nomes de peso na linha defensiva, e muitos calouros no setor, a equipe terá de se reinventar para conseguir segurar os adversários.


Kirby Lee/USA Today Sports

E qual o ponto forte dos 49ers? O jogo terrestre. Quando as corridas encaixam, o ataque de Kyle Shanahan flui muito bem e torna-se quase impossível de derrotar a equipe, esse é o ponto chave que pode definir o jogo, até porque com o jogo terrestre bem, Jimmy Garoppolo jogará sob menos pressão, o que facilita ainda mais para a equipe e estes é um dos grandes fatores para o favoritismo da equipe.,


Por fim, vale ressaltar que existe uma preocupação quanto a disciplina dos Lions, ou seja, a equipe pode fazer muitas faltas, o que pode atrapalhar ainda mais o jogo, é algo que precisa ser corrigido com urgência por Dan Campbell.


Lions e 49ers se enfrentam domingo (12) às 14 horas e a cobertura completa deste jogo e de toda a semana 1, você acompanha aqui!

BANNERLATERAL_TRAKTOR.png
BANNERLATERAL_FANATICA.png