• Rodrigo Menezes

3 fatos empolgantes e preocupantes dos Raiders em 2021

Em seu segundo ano na cidade de Las Vegas, os Raiders vêm para a temporada 2021 com alguma pressão por chegar aos playoffs. Afinal, Jon Gruden foi contratado exatamente para fazer a franquia do lendário Al Davis voltar a ter dias de glórias. Porém, após 3 anos a frente da equipe, Gruden ainda não conseguiu fazer os Raiders terem uma temporada com mais vitórias do que derrotas. A evolução nas campanhas ano após ano servem como atenuante, mas a verdade é que há alguma insatisfação por Las Vegas não ter disputado ao menos uma vaga nos playoffs.


Apesar dessa desconfiança, os fanáticos e icônicos torcedores dos Raiders acreditam que o time pode ter uma boa temporada 2021. Las Vegas tem bons nomes no seu elenco, que se jogarem no seu nível máximo, podem surpreender muitos críticos e fazer a equipe chegar aos playoffs. Não será fácil, mas torcedor é sempre o último a deixar de acreditar na sua equipe.


Como estamos fazendo com outros equipes, temos a lista dos 3 fatos empolgantes e preocupantes para os Raiders em 2021. Mas no caso dos Raiders, tenho também que falar de um fato empolgante para toda a NFL: Carl Nassib. Dentro de campo, a corajosa atitude de se declarar homossexual não deve ter impacto algum. Mas fora de campo o que ele fez foi gigante. Seu gesto pode ser um marco na história do esporte, dando confiança para que mais jogadores homossexuais possam entrar na NFL. Se acreditamos que na liga devem jogar os melhores atletas, não tem sentido nem cabimento ter qualquer forma de preconceito e restrição a qualquer pessoa por conta de sua orientação sexual. O que Nassib fez é histórico, e presto a minha homenagem a ele. Obrigado pelo que você fez pelo esporte.


Nassib assume ser homossexual e será o primeiro jogador assumido a jogar na NFL. (Kirby Lee – USA TODAY Sports)


Feita a menção, vamos efetivamente a lista do Las Vegas Raiders:


3 Fatos empolgantes


Torcida de volta ao estádio: em 2020, o belo Allegiant Stadium foi inaugurado, mas sem a presença dos icônicos torcedores dos Raiders. Mas para 2021, isso deve mudar. Com a pandemia controlada e os índices de vacinação elevados, os estádios da NFL poderão voltar a receber público, e certamente teremos o estádio dos Raiders cheio nas partidas da equipe em casa. Ter um estádio cheio a seu favor é um fator muito importante para as equipes mandantes conseguirem conquistar vitórias, já que os torcedores jogam junto do time ao fazer barulho e atrapalhar o adversário e pela atmosfera contagiante que criam. É um bom reforço para esse time que precisa se impor aos adversários para ter chances de ir aos playoffs.


O Allegiant Stadium receberá público pela primeira vez na partida contra o Ravens no primeiro MNF da temporada. (Reprodução Twitter – Allegiant Stadium)


Jogo corrido: entrando em seu terceiro ano na NFL, Josh Jacobs é provavelmente o melhor jogador desse ataque. Nas suas duas primeiras temporadas, Jacobs passou das 1.000 jardas em ambas, mesmo tendo perdido ao todo 4 jogos nesses 2 anos. Com uma inteligência acima da média para enxergar gaps e uma capacidade de conquistar jardas após contatos, Jacobs é um dos melhores jogadores da posição. E nessa temporada, ele terá a ajuda de um outro bom RB: Kenyan Drake. Apesar de seu ano abaixo do esperado, Drake é um corredor que pode funcionar perfeitamente como uma alternativa a Jacobs quando ele não estiver em uma boa jornada ou não puder jogar. Las Vegas fez uma movimentação muito boa para formar uma dupla que promete ser uma das melhores da NFL nessa temporada.


Josh Jacobs deverá ser novamente a principal arma desse ataque em 2021. (Jason O. Watson – Getty Images)

Darren Waller: o TE foi um dos grandes nomes desse ataque nas duas últimas temporadas, sendo um dos alvos favoritos de Derek Carr. Com mais de mil jardas nos dois anos, Waller não é um nome tão badalado como Travis Kelce, George Kittle ou Rob Gronkwoski, mas tem feito um trabalho excelente em campo e mostrado que ele é um dos grandes jogadores da posição atualmente. Com um corpo de recebedores sem um nome talentoso para ser o WR1 da equipe, Waller tem tudo para ser novamente a bola de segurança de Carr. E ele já mostrou ser capaz de ajudar e muito a equipe.


Waller tem sido o principal alvo de Derek Carr e um dos melhores jogadores da posição na liga. (Jay Biggerstaff – USA TODAY Sports)

3 Fatos preocupantes


Offensive Line: Las Vegas deixou alguns bons nomes saírem da equipe durante a offseason. A perda de nomes como Trent Brown (Patriots), Rodney Hudson (Cardinals) e Gabe Jackson (Seahawks) é algo que preocupa a torcida, ainda mais com a falta de reposição a altura desses atletas. A escolha de Alex Leatherwood na primeira rodada do draft pode ter compensado um pouco, mas não deve resolver os problemas dessa unidade. Segundo ranking Pro Football Focus, a OL dos Raiders é apontada apenas como a 25ª colocada, o que certamente deixa os torcedores de Las Vegas bastante preocupados. Sem ter uma boa linha ofensiva, os Raiders podem ter dificuldades para encaixar o seu jogo corrido, além de deixar Derek Carr mais pressionado do que ele já está. Pode ser a receita para mais um ano de fracasso.


Rodney Hudson foi um dos 3 titulares da OL em 2020 que deixaram os Raiders em 2021. (Noah K. Murray – Associated Press)

Calendário complicado: baseado nas campanhas das equipes em 2020, a tabela de jogos dos Raiders é considerada a 8º mais difícil da NFL. Com um time que não inspira muita confiança, Las Vegas deve sofrer bastante diante do elevado número de adversários fortes e qualificados. Para se ter uma ideia, os Raiders logo de cara irão enfrentar o Baltimore Ravens de Lamar Jackson. É um começo de temporada bastante pesado, ainda mais para uma equipe que é apontada por vários analistas como uma das que pior atuou durante a offseason para reforçar a equipe. Essa combinação pode resultar em uma campanha muito fraca da equipe em 2021.


Raiders terá que parar Lamar Jackson logo na partida de estreia na temporada 2021. (Nick Wass – Associated Press)

Jon Gruden e Derek Carr pressionados: a falta de temporadas com mais vitórias do que derrotas por parte dos Raiders só aumenta a pressão em cima de Jon Gruden e Derek Carr. E isso não tem sido algo bom nos últimos anos. O HC tem sido bastante questionado por suas chamadas de jogadas nos momentos decisivos das partidas, principalmente quando a equipe está dentro da red zone adversária. Já o QB ainda não mostrou ser um jogador decisivo quando a equipe mais precisa que ele o seja, a ponto de Aaron Rodgers ser bastante especulado em Las Vegas. A pressão em cima deles nessa temporada será maior do que nunca, e se nada mudar em relação ao que vimos nos últimos anos, é difícil imaginar que os Raiders terão sucesso sob o comando deles. A temporada 2021 pode até marcar o fim da linha para ambos.

BANNERLATERAL_TRAKTOR.png
BANNERLATERAL_FANATICA.png